terça-feira, 11 de junho de 2013

Justiça considera "improcedente" processo de Porfírio contra Egydio Schwade


A juíza do município de Presidente Figueiredo (107 km de Manaus), Ana Paula de Medeiros Braga, declarou “totalmente improcedente” o processo movido pelo coordenador do Programa Waimiri-Atroari (PWA), José Porfírio de Carvalho, contra Egydio Schwade. Carvalho era responsável pela política indigenista do governo militar no Amazonas na década de 1970, quando os Waimiri-Atroari foram massacrados, durante a construção da BR-174.