sexta-feira, 27 de setembro de 2013

Grupo de indígenas invade posto da Funai em Barcelos (AM)

Cerca de 100 índios invadiram a Funai em Barcelos e dizem que só vão deixar o local quando tiverem suas reinvidicações atendidas (Régis Goes/Freelancer).

Cerca de 100 índios da etnia Yanomami realizaram nesta quinta-feira (26) uma manifestação no município de Barcelos (distante 656 quilômetros de Manaus por via fluvial), no extremo norte do Amazonas. Os indígenas protestam por melhorias na saúde e na educação, por inclusão em programas assistenciais do governo e por infraestrutura nas aldeias Yanomamis, além de cobrarem demarcações de terras.

Depois de promoverem uma passeata pelas ruas do município, os indígenas se apossaram de veículos e invadiram a sede da Fundação Nacional do Índio (Funai) da cidade. O grupo também reclama contra o possível fechamento da administração regional da Funai em Barcelos e contra a saída do Chefe de Posto, Roosevelt Siqueira.


Segundo informações dos indígenas, eles deverão ficar no prédio da Funai em Barcelos até que algum representante em Brasília se manifeste sobre as reivindicações feitas. O grupo ameaça ainda atear fogo no prédio se suas exigências não forem atendidas. No momento da publicação desta matéria, o expediente da Funai já estava encerrado.