quarta-feira, 14 de maio de 2014

José Ricardo questiona o projeto de lei do Governo estadual que concede apenas 5,6% de reajuste salarial aos professores.


O deputado José Ricardo questionou ontem (13), durante sessão ordinária da Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (ALE-AM), o projeto de lei (PL) nº 146/2014 do Governo do Estado, que autoriza o reajuste salarial de apenas 5,6% aos professores da rede pública estadual. O PL chegou ontem na Casa.

“Este projeto enviado pelo governador só consta o reajuste da inflação, mas não há nada a respeito dos outros 4,3% prometido pelo novo governador aos professores, e nem mesmo a previsão para o vale alimentação. O projeto não está de acordo com o que foi conversado com os professores”, destacou o parlamentar.

Ele insistiu ainda, que haja uma audiência pública com a categoria para discutir o projeto encaminhado pelo Governo. Semana passada, o requerimento do deputado solicitando uma audiência pública com os educadores foi aprovado em plenário. “Precisamos saber se haverá remanejamento por parte do governo para atender as reivindicações dos professores, e mesmo se há recurso para isso”, indagou ele, lembrando que desde 2011 vem apresentando os pleitos da categoria como emenda ao orçamento, mas ano após ano, a maioria dos deputados rejeita as propostas alegando que já estão contempladas no planejamento. 

Durante a sessão ordinária, o parlamentar cedeu o tempo do Partido dos Trabalhadores (PT) para que os representantes dos movimentos dos profissionais da educação, que estavam acompanhando a reunião, pudessem se manifestar. Após o pronunciamento do professor Lambert Melo, da Associação Movimento de Luta dos Professores de Manaus (Asprom), a fala do sindicato foi interrompida pelos demais professores presentes na galeria da Casa.

Fonte: Assessoria de Comunicação