sexta-feira, 30 de maio de 2014

TENTANDO COMPRAR APOIO: Tucanos de Minas se metem em uma enrascada.


O PSDB de Minas Enrascou-se com essa denúncia de que tentou comprar o apoio do PMDB no Estado, feita ao presidente regional peemdebista, o deputado Antonio Andrade (PMDB-MG).

Nesta quinta-feira (ontem) o PSDB de Minas entrou com um pedido de interpelação judicial no Supremo Tribunal Federal (STF) contra o presidente regional do PMDB, deputado Antonio Andrade que acusou os tucanos de oferecer R$ 20 milhões em troca do apoio peemedebista na disputa ao governo de Minas este ano. A notificação é assinada pelo deputado Marcus Pestana (PSDB-MG), presidente tucano no Estado e estreitamente vinculado politicamente ao candidato ao Planalto, senador Aécio Neves (PSDB-MG).

Pestana nega a oferta e se confessa “indignado” com o que define como “fantasia” de antônio Andrade. O pedido de interpelação judicial, explicam advogados, é uma espécie de prévia de ação penal: se o STF aceitá-la, o deputado denunciante será convidado a explicar sua denúncia de tentativa de compra de apoio; e se o PSDB não julgar suficientes suas explicações, poderá processá-lo.