segunda-feira, 18 de novembro de 2013

Sinésio conta com voto de José Ricardo para escolha do diretório regional

Dep. Sinésio Campos

As eleições para a escolha da presidência regional do Partido dos Trabalhadores (PT) que acontece no próximo domingo (24), no qual estão como protagonistas o deputado Sinésio Campos e o presidente do sindicato dos metalúrgicos, Waldemir Santana, fez com que o “improvável” acontecesse: Sinésio Campos usou a tribuna da Assembleia Legislativa do Estado (ALE-AM) para pedir o voto do seu líder na bancada, deputado José Ricardo Wendling.

Sem dizer sim nem não, José Ricardo desconversou e disse apenas que algumas pessoas da tendência “Mensagem”, já declararam apoio a candidatura de Sinésio, mas que assim como pede votos livres para si, também deixou que seus companheiros votem livremente.

“Entendemos que os eleitores da chapa Mensagem tem que votar livremente, votar em quem quiser. Eu mesmo não tenho poder de decidir em quem cada filiado que me apoiou vá votar agora. Eu peço voto livre e assim vou continuar pedindo que cada filiado tenha discernimento da escolha ou não votar também, porque talvez muita gente nem vá votar no domingo”, disse.

Sinésio Campos por outro lado disse o vereador Waldemir José já declarou apoio e várias outras pessoas que apoiaram a chapa Mensagem, além do quarto colocado, Waltair Cruz.

“Eu vejo que com isso, a gente se equipara ou até tenha uma pequena vantagem aqui em Manaus e no interior já temos raízes sólidas com trabalho que já fizemos como ex-presidente e como parlamentar e com esses apoio que são bem vindos nos dá alegria de tornar o partido como nosso slongan, um partido para todos. Eu entendo que precisa desse debate, que precisa voltar a ter as discussões internas”, destacou.

O partido que elegeu o ex-secretário municipal do trabalho, Vital Melo como presidente municipal, realizará o segundo turno das eleições ainda em alguns municípios do interior e algumas zonais na capital: Zonal II, no Coroado e na Zonal III, na Cidade Nova.