segunda-feira, 1 de setembro de 2014

Praciano conversa com movimentos populares da moradia.


O candidato ao Senado pela coligação “Renovação e Experiência”, Francisco Praciano, participou na noite deste domingo (31) do encontro de movimentos populares pela moradia.

Os movimentos sociais foram ouvir as propostas de Praciano e confirmar o apoio à eleição do Parlamentar, que junto com o candidato Eduardo Braga, representa os programas sociais do governo de Dilma Rousseff como o “Minha Casa, Minha Vida”.

Participaram do encontro 28 entidades como a União Mundial por Moradia, a Central dos Movimentos Populares, o Movimento de Mulheres por Moradia, associações do bairro Grande Vitória e do Viver Melhor, construído na época do governo de Eduardo Braga com recursos do governo de Luiz Inácio Lula da Silva.

Vários desses movimentos já estão sendo beneficiados pelo programa Minha Casa Minha Vida que foi ampliado pela presidenta Dilma. Atualmente cerca de 1,5 mil casas estão sendo construídas na modalidade Minha Casa Minha Vida – Entidades, para famílias em Manaus, e em Presidente Figueiredo. Até 2016, serão construídas no Amazonas, dentro dessa modalidade para entidades, 2 milhões de moradias.

Praciano fez um discurso convocando as entidades para apoiar a coligação “Renovação e Experiência”. “Nós fazemos a política que se preocupa com gente. Quem quer a continuidade do Minha Casa Minha Vida, tem que ajudar na reeleição da Dilma”, disse Praciano.

O compromisso do parlamentar no Senado será o de trazer mais recursos para os projetos sociais do governo federal. Ele lembrou os recursos que conseguiu para trazer bibliotecas para as unidades da Ufam de Itacoatiara e São Gabriel da Cachoeira, assim como as casas de estudantes que foram construídas nos dois municípios graças às emendas de Praciano. “Também vou continuar minha luta contra a corrupção e pela educação. Eu aprovei 16 emendas no Plano Nacional de Educação inclusive com as propostas voltadas para os povos indígenas”, citou.