quinta-feira, 27 de março de 2014

José Ricardo cobrou mais uma vez a criação de um Conselho de Transparência e Controle Social da ALE


O deputado José Ricardo cobrou mais uma vez a criação de um Conselho de Transparência e Controle Social da Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (ALE), na Casa, para que haja a possibilidade dos deputados fiscalizarem e participarem, juntos à presidência, das decisões quanto a destinação dos recursos do Poder Legislativo. O parlamentar destacou que a proposta visa resguardar a credibilidade da instituição perante a sociedade da qual é representante.

“Vamos dar esse passo. Acredito que Assembleia tem todas as condições para discutirmos melhor o que vai ser feito com esse recurso. O recurso não é do presidente e nem dos deputados, mas pertence à população, então, nada mais justo do que discutir isso com todos”, expôs. 

Ele destacou que, os meios de comunicação, volta e meia, publicam matérias referentes aos gastos exacerbados da ALE, o que prejudica a imagem da Casa como um todo, a exemplo do que ocorreu com a obra do edifício-garagem executada na gestão anterior, do deputado Ricardo Nicolau (PSD). À época, os membros da mesa diretora, afirmavam desconhecer os investimentos feitos nesta obra, na ordem de R$6 milhões. 

Recentemente a imprensa divulgou notícias questionando o contrato firmado entre a ALE e duas empresas publicidade, na ordem de R$6 milhões, e uma outra, sobre a contratação de empresa especializada em prestação de serviços de locação de aeronave, de mesmo valor. 

Fonte: Assessoria de Comunicação