sexta-feira, 12 de abril de 2013

Amazonas tem 90% dos abatedouros de carne atuando na clandestinidade

O Conselho Regional de Medicina Veterinária entregou relatório sobre a ilegalidade da maioria dos abatedouros ao Ministério Público Federal. Situação mais crítica é no interior.


O Amazonas, com uma produção de carne bovina estimada em 35 mil toneladas/ano, conta apenas com sete abatedouros regulares. Outros 55, cerca de 90%, funcionam na clandestinidade em pelo menos 32 municípios amazonenses, segundo relatório do Conselho Regional de Medicina Veterinária (CRMV/AM), entregue esta semana ao Ministério Público Federal (MPF).

De acordo com o presidente da entidade, Paulo Alex Carneiro, dos sete abatedouros regulares do Estado, dois estão localizados em Manaus e o restante nos municípios de Itacoatiara, Manacapuru, Parintins, Iranduba e Boca do Acre.

“A situação é mais crítica no interior do Amazonas, onde estão os matadouros clandestinos. O que é clandestino é caso de polícia, porque eles não têm um profissional habilitado, que é o veterinário”, afirmou. (Fonte: . portal@d24am.com