domingo, 21 de abril de 2013

A quem interessa a atrocidade praticada ao Diretor do Semanário CANDIRU?


Emanuel Souza
Por Emanuel Altamor*

A quem interessa a atrocidade praticada ao Diretor do Semanário CANDIRU? Quem pode ser o(s) mandante(s) ou autor(es) de tal(is) atrocidade(s)? A quem interessa o desaparecimento do Semanário e do seu Editor/Diretor?

Normalmente as pessoas que são vítimas de violência, possuem algo que, de alguma forma, desestabiliza os responsáveis pelas atrocidades.

No caso, o Diretor e Jornalista Rui Sá Chaves, presta um grande serviço à Comunidade Itacoatiarense com as notícias e informações que publica em seu Semanário o CANDIRU, cuja linha editorial é bastante crítica, ou seja, ele procura explicitar no Semanário seu ponto de vista político e cultural, ressaltando a liberdade de expressão que é um direito constitucional, o quê, para alguns políticos da nossa Velha Serpa é desafiador e repugnante. Há muitos políticos desse grupo que se autodenominam democratas, mas desde que não sejam questionados. No momento em que se veem inquiridos, logo encontram adjetivos pejorativos para alvejar os questionadores. Eis, portanto, o quê os desestabilizam. Vi, ouvi e li de alguns desse grupo, antes dos resultados das eleições, adjetivos que os acusavam, entretanto, agora, todos pertencem a todos, podendo-os investir contra todos que os desestabilizam. E aí?

* Emanuel Altamor é Advogado e professor de Itacoatiara.

O Editor do Jornal Candiru, Rui Sá Chaves, foi duramente agredido na tarde de ontem, sábado (20), em Itacoatiara. Após o registro do Boletim de Ocorrência (BO) o jornalista foi internado no hospital do município.