terça-feira, 2 de abril de 2013

Diretoria do jornal pede desculpas a torcedores do Flamengo

Dissica Calderaro recebe representantes da torcida do Flamengo
O diretor-presidente do Sistema A Crítica de Rádio, Dissica Tomaz Calderaro, recebeu representantes das torcidas organizadas do Flamengo em Manaus para pedir oficialmente desculpas pelo episódio negativo envolvendo erro na divulgação do nome do clube em tabela publicada na edição de segunda-feira (1º) do Craque.

Dissica também enviou uma carta ao presidente do clube, Eduardo Bandeira, pedindo perdão pela falha cometida na atualização da tabela e reafirmando o respeito da parte da empresa para com o clube rubro-negro e com a numerosa e apaixonada torcida, composta por cerca de 40 milhões de pessoas. “É uma falha injustificável e já tomamos medidas internas para punir os envolvidos. Erramos feio e não temos outra atitude a não ser pedir humildemente desculpas pelo episódio”, afirmou Dissica.

O diretor ressaltou que a maior prova de que não houve intenção de ofender o time é que todos os integrantes de sua família torcem pelo Flamengo. “A CRÍTICA tem 63 anos de história fundamentada, sobretudo, na qualidade da informação e no respeito ao leitor. A família Calderaro inteira torce para o Flamengo, desde o meu avô (Umberto Calderaro), passando pela minha avó (Ritta Calderaro), além de mim e meus irmãos e sobrinhos. Não é uma falha pontual que vai botar tudo isso a perder”, complementou o dirigente.