quinta-feira, 21 de agosto de 2014

O sonho de Bosco Saraiva: Presidência da ALEAM.


O vereador presidente da CMM, Bosco Saraiva (PSDB) é um individuo de altíssimos sonhos, certa feita sonhou em ser vice – prefeito de Manaus acabou algemado e preso pela Polícia Federal por compra de votos. 

Nestas eleições, Bosco Saraiva é candidato a deputado estadual e fala em ser o próximo presidente da Aleam, com o apoio de José Melo.

Dispensa de licitação

Após longo período de ostracismo, Bosco Saraiva emergiu do ninho e investiu na memória curta do povo manauara, elegeu-se vereador de Manaus, como o apoio de Arthur Neto (PSBD) virou presidente da CMM, e as dispensas de licitação viraram rotinas na casa do povo.

Até o novo site da casa legislativa não teve certame licitatório, a Prodam cobrou R$ 90 mil, os profissionais da área dizem que há sobrepreço.

Mania de perseguição

Primeiro ato do vereador Bosco Saraiva (PSDB) como presidente da CMM, foi proibir o acesso de profissionais da imprensa ao plenário da casa. Uma recomendação da diretora de comunicação Tereza Teófilo.

Os vereadores Elias Emanuel (PSB), Álvaro Campelo que são profissionais de comunicação concordaram com a censura do presidente Bosco Saraiva envergonhando toda classe jornalística.

Quadrilha do paletó

O advogado Felix Valois denunciou sem citar nomes, que quatro vereadores tentaram extorquir um empresário da construção civil, o caso, caiu, como uma bomba no seio da sociedade manauara, mas Bosco Saraiva deu um tempo e hoje ninguém fala mais no assunto, a Polícia Civil entrou no game, mas autonomia política calou-se.

O parlamento municipal anulado, um choque de ordem é necessário, o eleitor tem a ferramenta e o dever de corrigir erros.

Fonte: http://blogdopavulo.blogspot.com.br/2014/08/o-sonho-de-bosco-saraiva-presidencia-da.html