quinta-feira, 3 de abril de 2014

José Ricardo solicita informações sobre o contrato da Suframa com a Fucapi


O deputado José Ricardo solicitou hoje (03) informações mais detalhadas da Superintendência da Zona Franca de Manaus (Suframa) sobre o contrato com a Fundação Centro de Análise, Pesquisa e Inovação Tecnológica (Fucapi), que dava o suporte no serviço de inteligência digital à autarquia. Entre os dados requeridos pelo parlamentar estão os valores do contrato, as condições, e a processo de licitação do serviço.

“Isto é de interesse de todo o Amazonas, afinal, a economia do Estado é baseado no modelo Zona Franca de Manaus (ZFM). E aSuframa, neste contexto, é um órgão estratégico, que necessita de uma atenção especial. Hoje a Suframa, tem o quadro reduzido e passa por uma greve desde fevereiro”, expôs. De acordo com o Centro da Indústria do Estado do Amazonas (Cieam), os prejuízos com a paralisação chegam a R$ 300 milhões diários para as empresas, já que, houve a interrupção da análise dos processos e a liberação de insumos ao Polo Industrial de Manaus (PIM).

No dia 25 de fevereiro deste ano, o parlamentar enviou ofícios aos Ministérios do Planejamento, Orçamento e Gestão e o de Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, requerendo providências quanto as reivindicações pleiteadas pelos servidores que pararam e a situação em que se encontra a Superintendência, em geral. O documento foi encaminhado ainda, para a bancada do Amazonas no Congresso Nacional. 

CPI da Pedofilia

Hoje o deputado voltou a cobrar uma nova reunião com os líderes de partido da Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (ALE), para que ocorra a abertura imediata da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Pedofilia, na Casa.

José Ricardo enfatizou que, o importante, neste momento, é reunir com os parlamentares e definir os membros que irão compor o grupo, sem impedir a participação de nenhum deputado nos trabalhos de investigação. O presidente da Casa subscreveu o documento apresentado pelo petista requerendo a reavaliação do pedido de instalação da CPI, porém, não ele convocou a reunião com os líderes. 

Fonte: Assessoria de Comunicação