sexta-feira, 13 de junho de 2014

José Ricardo denuncia que mamógrafos continuam encaixotados.


O deputado José Ricardo Wendling (PT) denunciou nesta quinta-feira (12) que aparelhos de mamógrafos foram entregues nos hospitais do Purus, exemplo dos municípios de Tapauá e de Canutama, mas sem previsão de instalação e de funcionamento. “Encontrei esses aparelhos encaixotados, porque faltam outros materiais para começar a realização dos exames, além de funcionários capacitados para operar as máquinas. Enquanto isso, o câncer de mama continua vitimando mulheres por falta, principalmente, de prevenção. Uma vergonha!”, afirmou ele, que já encaminhou o caso à Secretaria de Estado da Saúde (Susam).

Em Tapauá, o deputado também comentou que o prédio do hospital está precário, sem gerador de energia, com ar condicionados danificados, com falta de medicamentos e até de funcionários do Estado. “Um total descaso do Governo”, disse, ressaltando que a delegacia funciona precariamente, com poucos policiais militares e com um delegado e um escrivão. “Para ajudar esse pouco contingente, só encontrei funcionários da Prefeitura exercendo a função de polícia”, frisou.


Já em Canutama, a situação não é diferente, advertiu o parlamentar: hospital com problemas estruturais, com aparelho de RX danificado e ambulância com problemas mecânicos; e na polícia, nenhum policial civil, nem delegado, e somente três PMs. “Mas encontrei uma iniciativa positiva e independente de um policial militar, que desenvolve um trabalho de plantação de hortaliças com os presos”. Todos os problemas encontrados nessas cidades foram encaminhados para os órgãos competentes, cobrando providências.