terça-feira, 14 de outubro de 2014

Waldemir aciona MPF para apurar o acidente no Proama


Como até momento não foi apresentado nenhum resultado de investigação a respeito do acidente que atingiu parte da estrutura do Programa Águas para Manaus (Proama), ocorrido em julho deste ano, que resultou na suspensão do abastecimento de água para cidade, o vereador Waldemir José, com o apoio do deputado estadual José Ricardo e do deputado federal Francisco Praciano, todos do PT, protocolizou nesta quinta-feira (9), representação junto ao Ministério Público Federal (MPF) contra o Governo do Estado e a Prefeitura de Manaus, para que seja instaurada investigação para apurar o incidente. 

Na documentação Waldemir José afirma que existem várias dúvidas a respeito do desmoronamento ocasionando pela colisão de uma balsa com um dos pilares de sustentação, por isso, solicitou esclarecimentos a diversas questões, como; houve ou não sabotagem contra o bem público? Quem são os responsáveis pelo acidente? O Proama possui algum sistema de proteção? Se tiver, por que não foi evitado esse acidente? 

Além disso, o parlamentar justifica que os recursos públicos aplicados nesse programa são de grande soma, portanto a ausência de requisitos de segurança para a manutenção da estrutura do Proama constitui um grave risco para os investimentos públicos federais e uma ameaça ao acesso à água tratada para mais de 500 mil pessoas. “Não podemos desperdiçar recursos públicos e, principalmente, colocar em risco o abastecimento de água para inúmeras famílias que dependem desse programa para terem o abastecimento em suas residências”, disse Waldemir. 

Ele espera que o MPF acate sua solicitação e esclareça as dúvidas a respeito desse caso, a fim de garantir que a população tenha sempre um serviço de abastecimento de água.

Fonte: Assessoria de Comunicação