terça-feira, 13 de setembro de 2016

Saiba quais deputados tentaram salvar Cunha da cassação.

Paulinho da Força, que votou pelo impeachment de Dilma, defendeu Cunha (Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)

Golpistas apoiaram o ex-presidente da Câmara até o último momento. Entre os que votaram não pela cassação estavam Paulinho da Força e Marco Feliciano.

O agora ex-deputado Eduardo Cunha teve seu mandato cassado na noite desta segunda-feira (12) em uma votação folgada que o tornou inelegível até 2027.

Dos 513 deputados, 470 estiveram presentes e 450 votaram pela cassação. Para afastar Cunha, eram necessários 257 votos.

 Foto: Luis Macedo/ Câmara dos Deputados

Na defesa de Cunha havia muitos colegas de partido, o PMDB, que utilizaram diferentes estratégias. Alguns votaram abertamente a favor do político, enquanto outros se abstiveram ou simplesmente faltaram à sessão – todas essas táticas beneficiaram Cunha.

Entre os 10 votos a favor de Cunha, há nome conhecidos da política nacional, como Paulinho da Força (Solidariedade) e Marco Feliciano (PSC). Os outros defensores do golpista foram Carlos Andrade (PHS), Jozi Araújo (PTN), Júlia Marinho (PSC), Wellington Roberto (PR), Arthur Lira (PP), João Bacelar (PR), Dâmina Pereira (PSL) e Carlos Marun (PMDB).


Foram nove os votos de abstenção, que também colaboraram com Cunha. Optaram pela abstenção Alberto Filho (PMDB), André Moura (PSC), Delegado Edson Moreira (PR), Mauro Lopes (PMDB), Saraiva Felipe (PMDB), Laerte Bessa (PR), Rôney Nemer (PP), Alfredo Kaefer (PSL) e Nelson Meurer (PP).

O número de faltas foi ainda maior, com 42 deputados ausentes. Entre os que não compareceram, apenas três estavam de licença médica. Entre os que faltaram estava Jovair Arantes (PTB-GO), golpista relator do impechment da presidenta Dilma Rousseff na Câmara.


Confira a lista completa dos faltosos a seguir:

1. EDIO LOPES (PR-RR)
2. HIRAN GONÇALVES (PP-RR)
3. MARCOS REATEGUI (PSD-AP)
4. ROBERTO GÓES (PDT-AP)
5. VINICIUS GURGEL (PR-AP)
6. JOSÉ PRIANTE (PMDB-PA)
7. JOSUÉ BENGTSON (PTB-PA)
8. LINDOMAR GARÇON (PRB-RO
9. JÉSSICA SALES (PMDB-AC)
10. JUNIOR MARRECA (PEN-MA) – DE LICENÇA MÉDICA
11. GORETE PEREIRA (PR-CE)
12. IRACEMA PORTELLA (PP-PI)
13. HUGO MOTTA (PMDB-PB)
14. ADELSON BARRETO (PR-SE)
15. FABIO REIS (PMDB-SE)
16. PASTOR LUCIANO BRAGA (PMB-BA)
17. CACÁ LEÃO (PP-BA)
18. AELTON FREITAS (PR-MG)
19. LEONARDO QUINTÃO (PMDB-MG)
20. LUIZ FARIA (PP-MG)
21. MARCELO ARO (PHS-MG)
22. RAQUEL MUNIZ (PSD-MG)
23. CRISTIANE BRASIL (PTB-RJ)
24. FELIPE BORNIER (PROS-RJ)
25. FERNANDO JORDÃO (PMDB-RJ)
26. LUIZ CARLOS RAMOS (PTN-RJ)
27. MARCELO MATOS (PHS-RJ) – DE LICENÇA MÉDICA
28. MARCOS SOARES (DEM-RJ)
29. SORAYA SANTOS (PMDB-RJ)
30. WASHINGTON REIS (PMDB-RJ)
31. DR. SINVAL MALHEIROS (PTN-SP)
32. GILBERTO NASCIMENTO (PSC-SP)
33. GUILHERME MUSSI (PP-SP)
34. NELSON MARQUEZELLI (PTB-SP)
35. ALEXANDRE BALDY (PTN-GO)
36. JOVAIR ARANTES (PTB- GO)
37. PEDRO CHAVES (PMDB-GO)
38. FERNANDO FRANCISCHINI (SD-PR)
39. TAKAYAMA (PSC-PR)
40. TONINHO WANDSCHEER (PROS-PR) – DE LICENÇA MÉDICA
41. ROGÉRIO PENINHA MENDONÇA (PMDB-SC)
42. SÉRGIO MORAES (PTB-RS)