terça-feira, 13 de maio de 2014

Waldemir solicita aos demais vereadores assinaturas para instalação da CPI do transporte.


“Essa Casa Legislativa não pode ficar passiva diante desse problema”, foi o que disse o vereador Waldemir José (PT), na manhã desta terça-feira (13), durante o Grande Expediente da Câmara Municipal de Manaus (CMM), ao solicitar dos demais parlamentares apoio no sentido de assinar o pedido de Comissão de Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar o sistema de transporte público da cidade. 

De acordo com Waldemir José, além das graves denúncias feitas na semana passada pelos rodoviários acerca do esquema de corrupção no sistema de transporte público da cidade, existem, ainda, problemas antigos como; a falta de transparência na composição das planilhas de custos, a falta de controle do Sistema por parte da Prefeitura, a falta de fiscalização na qualidade dos serviços oferecidos pelas empresas, dentre outros. 

“Esse imbróglio no transporte público reforça a ideia de que é preciso haver uma investigação para esclarecer a real situação do Sistema. Toda semana os rodoviários arranjam uma justificativa para suspenderem os serviços e a Câmara Municipal tem-se mantido passiva diante dessa situação e não se coloca em defesa da população que sempre é prejudicada. Essa Casa tem o dever de defender a cidade de Manaus”, disse o parlamentar. 

Por esses motivos, Waldemir avalia que somente a realização de uma CPI poderá esclarecer as várias denúncias contra o transporte público e abrir a “caixa preta” do sistema. Até o momento o requerimento de pedido de investigação recebeu as assinaturas dos vereadores Rosi Matos e Professor Bibiano, ambos do PT, Plínio Valério (PSDB), Mário Frota (PSDB) e Arlindo Júnior (PROS). 

Fonte: Assessoria de Comunicação